Cão pitbull solto em condomínio ataca e mata gato de estimação da vizinha em Campo Grande, diz polícia

Dona do gato falou que o animal fica solto constantemente e também “ataca pessoas”. Já o proprietário alegou que ele é dócil e inclusive convive com crianças, porém, foi levado para fazenda. Jovem registrou queixa após cão matar o gato dela em condomínio de MS
G1 MS
Um cão da raça Pitbull atacou e matou o gato de estimação que pertencia a uma jovem de 24 anos, moradora de um condomínio no bairro Coronel Antonino, região norte de Campo Grande. Segundo a mulher, o cachorro pertence ao vizinho dela e a ação teria sido filmada e fotografada por outros moradores, na noite dessa terça-feira (12).
De acordo com o boletim de ocorrência, a dona do gato não estava em casa, porém, a irmã dela estava no local e a avisou dos fatos, sendo que a jovem buscou o gato e o levou para atendimento veterinário. No entanto, o animal não resistiu aos ferimentos.
Ao fazer a queixa na Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário (Depac) Centro, ela disse que o cão constantemente fica solto no condomínio e também “ataca pessoas e outros animais de estimação”
Já o proprietário do animal, um educador físico, de 41 anos, alegou que o pitbull é dócil e inclusive convive com crianças. “Essa questão que ocorreu ontem realmente foi o extinto. Ele escapou do carro justamente quando eu estava levando ele para a fazenda de um amigo. Ele foi para a última rua do condomínio e pegou o gato. Eu fiz de tudo para tirar, mas, não foi possível”, lamentou.
Nesta quarta-feira (13), o educador físico falou que o cão, que é um macho de 3 anos, não está mais no condomínio e foi levado para passar um período em uma fazenda.
O caso foi registrado na delegacia como omissão de cautela na guarda ou condução de animais. A pena vai até dois meses de prisão, além da multa.

Liked Liked