Jô Soares foi um exibido assumido, um diplomata em pleno showbusiness

Jô Soares, morto nesta sexta-feira aos 84 anos, foi um artista híbrido, de talentos diversos e um exibido assumido. Quando criança, já chamava a atenção, com suas imitações e ousadias. Ele se pendurava na cobertura do anexo do Copacabana Palace, onde morava no Rio de Janeiro, ameaçando pular na piscina, só para rir com a reação dos turistas ao sol.
Leia mais (08/05/2022 – 07h15)

Liked Liked