Matilha de 5 buldogues ingleses mata homem na Califórnia

A polícia ainda está investigando o caso para decidir se os donos dos cachorros serão indiciados. A cunhada da vitima tentou ajudar, mas não conseguiu separar os animais. Imagem de um buldogue inglês
Reprodução/Creative Commons
Uma matilha de cinco buldogues ingleses matou um homem de 59 anos na cidade de Selma, no estado da Califórnia, nos Estados Unidos, no domingo (1º).
A vítima, Richard Barry, estava passeando quando foi atacada pelos cachorros de um vizinho.
Leia também
Noruega proíbe criação de duas raças de cães para evitar que animais vivenciem sofrimento
Buldogue inglês levado durante assalto em Niterói é devolvido ao dono
(Veja abaixo um vídeo que dá dicas de como agir se for preciso separar um ataque de cachorros.)
Richard Barry em foto sem data
Reprodução/GoFundMe
Teresa Barry, a cunhada do homem, viu o ataque. Ela disse a uma rede de TV que Richard gritava pedindo ajuda —ela tentou tirá-lo do meio dos cachorros, mas não conseguiu. De acordo com o relato dela, ela foi para cima dos animais com um taco de beisebol. Ela caiu, e três cães a atacaram (ela ficou com um corte e se machucou no incidente).
“Os cachorros estavam em cima dele, mordendo sem parar”, afirmou ela para a rede KSEE/KGPE.
A polícia chegou a atender Richard no local. Os cachorros foram apreendidos e estão sendo analisados para que se saiba se eles têm raiva.
De acordo com o órgão de controle de animais, os cachorros escaparam de uma residência e atacaram a vítima que estava apenas caminhando. Ainda não se sabe se os donos vão ser indiciados. A polícia afirma que eles estão cooperando com as investigações.
Veja um vídeo que dá dicas de como agir se for preciso separar um ataque de cachorros.
Aprenda a agir em casos onde você precisa separar um ataque de cachorros
Veja os vídeos mais assistidos do g1

Liked Liked