Moradores da Grande BH sofrem sem água após tentativa de furto em estação da Copasa

Houve relatos à TV Globo de moradores sem abastecimento de água em Mateus Leme, Esmeraldas e Ribeirão das Neves, na Grande BH. Tentativa de furto em estação da Copasa pode comprometer abastecimento na Grande BH
Moradores sofrem sem água, no calorão, após tentativa de furto em estação da Copasa na Grande BH
BH bate recorde de calor do ano
A estação “atingida” é a de tratamento de água em Rio Acima, que capta água do Rio das Velhas, e abastece 71% de Belo Horizonte e quatro cidades da região metropolitana, Sabará, Santa Luzia, Raposos e Nova Lima.
Houve relatos à TV Globo de moradores sem abastecimento de água em Araças, de Mateus Leme, Dumaville em Esmeraldas e São Genaro em Ribeirão das Neves, na Grande BH e na capital mineira, no bairro Santa Amélia.
A Copasa informou que por causa da tentativa de furto, uma, das duas linhas alimentadoras que fazem o bombeamento da água para os reservatórios, parou de funcionar. Isso comprometeu o abastecimento durante o dia, já que com sistema funcionando parcialmente, os reservatórios não ficam completamente cheios.
Em nota, a Copasa disse ainda que o “desabastecimentos pontuais em algumas regiões, como está ocorrendo em alguns bairros de Mateus Leme, BH, Contagem, Igarapé, entre outras cidades, são necessárias para possibilitar a execução de alguma manutenção corretiva ou preventiva, corriqueiras pela empresa para garantir o funcionamento do sistema”.
Além disso, segundo a nota, o aumento de consumo, devido às altas temperaturas registradas nos últimos dias e a “grande incidência de fraudes clandestinas, são fatores que provocam intermitência do fornecimento de água e o desiquilíbrio do sistema de distribuição”.
A companhia disse que as situações estão “sob análise para promover novas manobras e manter o abastecimento normalizado”.
Caixa de passagem danificada por ação criminosa em estação da Copasa, em Nova Lima
Copasa/Divulgação

Liked Liked