Polícia Ambiental investiga ‘desaparecimento’ de macacos em mata de Nhandeara

Moradores, visitantes e protetores de animais notaram que diminuição no número de macacos e fizeram uma denúncia para a Secretaria de Meio Ambiente; captura de silvestres é considerada crime. Macacos sendo alimentados em mata de Nhandeara
Reprodução/TV TEM
A Polícia Ambiental investiga a diminuição da população de macacos em uma mata de Nhandeara (SP). O local é considerado um ponto turístico e atrai moradores, visitantes e protetores de animais.
De acordo com o técnico em informática Hugo Marques, os macacos começaram a “desaparecer” há um mês.
“A gente já conhece o bando que é mais amistoso. Notamos que o número de macacos está caindo. Um amigo nosso também percebeu a presença de pessoas estranhas na mata”, afirmou.
Polícia investiga a diminuição da população de macacos em mata de Nhandeara
As pessoas que notaram a diminuição no número de macacos fizeram uma denúncia para a Secretaria de Meio Ambiente de Nhandeara.
“Fizemos um ofício via Polícia Militar no mesmo dia sobre a caça ilegal que está ocorrendo na mata dos macacos”, explicou o coordenador de Meio Ambiente de Nhandeara, Deivid Ariane.
A Polícia Ambiental intensificou a fiscalização na mata dos macacos e agora tenta identificar o motivo do “sumiço”.
“Essa prática de caça de animais, além de incorrer em multa no valor de R$ 500 por indivíduo, é considerada crime”, disse a tenente da Polícia Ambiental, Sarah de Carvalho Barbosa.
Polícia aumentou fiscalização na mata dos macacos em Nhandeara
Reprodução/TV TEM
Veja mais notícias da região em g1 Rio Preto e Araçatuba
VÍDEOS: assista às reportagens da TV TEM

Liked Liked