Primos idosos vencem a Covid-19 e recebem alta juntos, em Altamira, no Pará

Maria das Dores, de 63 anos, e Adalto Rodrigues, de 75, voltaram pra casa nesta quarta-feira. Ambos vacinados. Os primos idosos, que foram diagnosticados com Covid-19, tiveram alta no mesmo dia, em Altamira, sudoeste do Pará.
Pró-Saúde
Um dos momentos mais emocionantes e inusitados durante o combate à Covid-19 em Altamira, município na região do Xingu, sudoeste do Pará, ocorreu nesta terça-feira (23). Dois primos, de 63 e 75 anos, receberam alta médica no mesmo dia, após se recuperarem da doença. Ambos vacinados com as duas doses.
Maria das Dores, 63 anos, deu entrada no Hospital Regional da Transamazônica no dia 13 de novembro. Oito dias depois, 21 deste mês, o primo Adalto Rodrigues, de 75 anos, também foi internado. Ambos apresentavam desconforto respiratório e necessitavam de tratamento e auxílio de oxigênio.
Com a assistência prestada e a evolução positiva do quadro clínico, os dois puderam voltar para casa, na área rural de Medicilândia, cidade a 85 km de Altamira.
Familiares recebem, emocionados, os dois parentes que estavam internados.
Entre os familiares que esperavam ansiosamente pela saída de ambos, estava a artesã Maria Coutinho, que mora em Manaus e veio para acompanhar de perto a internação da mãe.
“Todos os anos eu venho visitar a família em dezembro, mas como minha mãe adoeceu, antecipei a viagem. A equipe sempre fazia videochamada e era muito carinhosa com ela. É um privilégio vê-la receber alta junto com meu tio”, celebra Maria.
Durante a despedida da unidade, dona Maria das Dores fez questão de agradecer os cuidados que ela e o primo receberam da equipe de saúde durante os dias de internação.
“Eles cuidaram com tanto carinho da gente, sendo atenciosos, ligando pra nossa família para a gente tentar matar um pouquinho da saudade que estava apertando”, conta Maria.
VÍDEOS com as principais notícias do Pará
Veja todas as notícias do estado no g1 Pará.

Liked Liked