Redução da desigualdade ganha força na cidade de São Paulo

A idade média ao morrer nos distritos pobres de São Paulo é de aproximadamente 58 anos. Nos ricos, é de 81. Ou seja, a diferença de tempo de vida é de 23 anos dentro da mesma cidade, a mais rica da América Latina. Ao analisar os números da pandemia, comprovou-se que morreram mais pobres do que ricos em São Paulo. Os dados não dão margem a dúvidas: a desigualdade é vingativa e cobra com vida o seu desprezo.
Leia mais (10/13/2021 – 18h01)

Liked Liked