Simone Biles culpa FBI de não ter impedido abusos de médico da ginástica

A ginasta americana Simone Biles, 24, testemunhou nesta quarta (15) no Comitê Judiciário do Senado dos Estados Unidos sobre os casos de abusos sexuais cometidos por Larry Nassar, ex-médico da Federação Americana de Ginástica. A atleta responsabilizou o FBI e as entidades que gerenciam sua modalidade no país por não impedirem o autor da violência diante dos primeiros relatos das vítimas.
Leia mais (09/15/2021 – 17h55)

Liked Liked