Terremoto na província de Sichuan, na China, deixa mortos

Tremor de magnitude 6 atingiu cidade de quase 1 milhão de habitantes, diz imprensa estatal. Província chinesa é uma das mais afetadas por tremores no mundo e sofreu com o fenômeno em 2008, quando dezenas de milhares morreram após um forte terremoto. Um terremoto atingiu a província de Sichuan, no sudoeste da China, na manhã desta quinta-feira (16) (tarde de quarta em Brasília). Duas pessoas morreram e três ficaram feridas, informou a agência estatal CGTN.
As autoridades chinesas disseram que o tremor teve magnitude 6, enquanto o Serviço Geológico dos Estados Unidos (USGS, na sigla em inglês), que monitora atividade sísmica no mundo inteiro, diz que a magnitude chegou a 5,4.
O epicentro estava a uma profundidade de 10 km, considerada superficial e, com isso, maior risco de danos às construções. Segundo a CGTN, o tremor atingiu a cidade de Luzhou, que tem mais de 1 milhão de habitantes.
Terremotos em Sichuan
A província de Sichuan é a mesma que sofreu um terremoto devastador em maio de 2008. Quase 90 mil pessoas morreram com os estragos do tremor, que chegou a quase 8 de magnitude. A catástrofe está entre as mais graves causadas por abalos sísmicos na história.
Terremotos são comuns em Sichuan — em 2013, mais de 100 pessoas morreram em um tremor de magnitude 6,6. Mais recentemente, em 2019, um abalo deixou 11 mortos.

Liked Liked