Alagamentos, infiltrações e falta de sinalização: túnel onde mulher entrou com carro e morreu afogada tem problemas há ao menos cinco anos

Mesmo com reclamações de motoristas, situação nunca foi solucionada. Nesta quarta (3), idosa morreu ao entrar com o carro no túnel alagado. Governo disse que furtos e vandalismo provocaram interdição. Túnel Felipe Camarão, no Recife, alagado com carro branco capotado
Reprodução/TV Globo
Inaugurado em 2012, com a promessa de facilitar o acesso ao Jordão, na Zona Sul do Recife, o Túnel Felipe Camarão acumula há, ao menos cinco anos, problemas de infraestrutura. O histórico mostra alagamentos, infiltrações e falta de sinalização.
Compartilhe no WhatsApp
Compartilhe no Telegram
Mesmo com reclamações e pedidos de melhoria feitos por motoristas, a situação nunca foi resolvida. Nesta quarta (3), uma mulher de 81 anos morreu afogada após entrar no túnel com o carro.
Diante da morte da idosa, o g1 relembrou problemas registrados desde 2017 no Túnel Felipe Camarão. Confira.
Em dezembro de 2017, um bloqueio de pistas provocado por problemas estruturais impediu a circulação nos dois sentidos. Em março de 2018, o túnel foi interditado por causa de um alagamento.
Em dezembro de 2018, parte da cobertura de metal desabou e o túnel chegou a ficar escorado com tábuas de madeira. O tráfego precisou ser interditado.
Imagem de dezembro de 2018 mostra como ficou o túnel do Jordão quando parte da cobertura de metal desabou
Reprodução/TV Globo
Em janeiro de 2019 também foi registrado alagamento. A bomba, que deveria sugar a água da chuva e da maré, estava com vazamento de novo. A estrutura do teto estava cheia de ferrugens e uma estrutura de ferro ameaçava cair.
Este ano, no dia 20 de julho, o túnel foi interditado nos dois sentidos. Mesmo assim, algumas pessoas passaram com água na altura do joelho. Um motorista, que não percebeu a interdição, acabou com o caminhão quebrado.
Naquele dia, o DER informou que houve furto dos cabos elétricos que ligam as bombas hidráulicas. A promessa era resolver o problema na mesma semana.
Morte em túnel alagado
Carro entra em túnel alagado e mulher morre, no Recife
Após entrar com o carro no Túnel Felipe Camarão, Sônia Maria Dantas foi retirada do veículo sem vida por pessoas que trabalham na região. Elas amarraram cordas ao carro e puxaram com outro veículo.
Um vídeo enviado ao WhatsApp da TV Globo registrou o momento da remoção do carro do túnel alagado e a tentativa de retirada do corpo da mulher de dentro do veículo (veja vídeo acima).
Nas imagens, é possível ver dois homens mergulhando no túnel e somente a roda do carro fora d’água. Segundo o perito que foi ao local, na área alagada havia mais de dois metros de profundidade.
O que diz o governo
Túnel Felipe Camarão foi inaugurado em 2012
Reprodução/TV Globo
Por nota, o Departamento de Estradas de Rodagem (DER) “lamentou o acidente” e informou que, desde o fim de julho, a circulação de veículos no Túnel Felipe Camarão precisou ser interrompida.
O DER-PE disse que “uma ação de vandalismo” atingiu todo o sistema elétrico e as bombas hidráulicas responsáveis por drenar as águas pluviais das pistas do túnel.
No comunicado, o DER afirmou que o tráfego foi desviado para rotas alternativas e que agentes de trânsito auxiliaram, “orientando os motoristas nas vias de acesso ao equipamento, “que estava devidamente sinalizado indicando sua interdição”.
O DER também disse que registrou quatro boletins de ocorrência junto à Polícia Civil e instalou câmeras de monitoramento.
Ainda segundo o departamento, está sendo providenciada a aquisição dos equipamentos necessários para restabelecer o funcionamento das bombas do túnel. “O investimento será de R$ 320 mil”, informou, na nota.
O DER complementou que a sinalização de interdição está sendo feita com cavaletes e fita zebrada, contando também com o apoio da CTTU.
O g1 também questionou os motivos pelos quais, mesmo depois de tantos anos de reclamações e problemas, nada foi resolvido até agora.
O DER respondeu que “o equipamento estava em pleno funcionamento, até ser alvo de “atos de vandalismo” e que “o túnel foi furtado”.
A reportagem também perguntou se existe plano para colocar sinalizações fixas e seguranças para impedir atos de vandalismo, mas não obteve resposta até a última atualização desta reportagem.
VÍDEOS: mais vistos de Pernambuco nos últimos 7 dias

Liked Liked