Injúria: mulher diz à criança de 9 anos que ela tem ‘nome de gente que não presta’

Uma criança de 9 anos foi vítima de injúria em Juiz de Fora, na Zona da Mata mineira, nas dependências de um edifício residencial localizado na Avenida Presidente Itamar Franco, na Região Central da cidade. A ocorrência foi atendida pela Polícia Militar nessa terça-feira (23/11).

Em relato à PM, a mãe da menina, de 32 anos, disse que estava com a filha dentro do elevador do prédio, quando um homem, acompanhado da esposa, perguntou à criança como ela se chamava. Após respondê-lo, a mulher dele, de 55 anos, teria disparado: “Nome de gente que não presta”.

Conforme o registro policial, a mulher confessou ter proferido os dizeres, mas alegou que “apenas fez uma brincadeira com a criança”.

Logo, a autora recebeu voz de prisão em flagrante e foi conduzida à delegacia, onde assinou um Termo Circunstanciado de Ocorrência (TCO) e foi liberada.

Conforme a PM, ela se comprometeu a comparecer ao Juizado Especial Criminal da cidade quando for intimada.

Liked Liked